segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Felicidade

Por que será que tanta gente sonha
coisas grandiosas,
mas acaba aceitando algo muito menor?
Sonha com uma casa rodeada de um belo jardim,
mas se conforma com uma casinha bem
no meio do cimento?
Sonha com um trabalho bem remunerado,
mas aceita um emprego com
salário baixo?
Sonha em voltar a ter o mesmo peso
de décadas atrás,
mas se contenta com dois ou três
quilos a menos?
Por que aceitar menos do que você acha
que merece?
É um desafio a se pensar.

Muitas vezes,
as pessoas não têm entusiasmo para
lutar pelo que acreditam merecer.
Simplesmente,
acomodam-se ou se deixam levar por
opiniões derrotistas.
Ou, o que é muito comum,
nem lutam para não ter a decepção
de fracassar.

Mas,
o ser humano pode muito mais do que imagina!
É tudo uma questão de não ter medo
de se colocar à prova,
de agir de acordo com os seus sonhos.
O grande desafio é ter coragem de
se manter fiel ao que você acha que merece
e não deixar por menos.
E isso vale para tudo:
tanto na vida pessoal como na profissional,
familiar ou de negócios!
Tome como exemplo um atleta olímpico.
Ele age como quem não aceita menos do que a
medalha e trabalha duro para
conseguir o pódium.

Portanto, seja persistente.
Não se deixe influenciar por palpites,
como "isso não vai dar certo".
Você já parou para contemplar o vôo de uma pipa?
Ela pode se transformar num pontinho
colorido no céu,
subindo cada vez mais...
Deixe essa imagem inspirar a sua vida!
Quando nos permitimos ser como pipas,
livres para alçar vôos cada vez mais altos,
o nosso compromisso é um só:
a felicidade!

TEXTO: Antônio Carlos Teixeira
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 25 de Agosto de 2.010.

Nenhum comentário: