sábado, 16 de outubro de 2010

Serenize a alma

Serenize a alma,
acalma-se!

Ainda hoje o que te aflige pode
deixar de existir,
pode se resolver por si mesmo,
e o que você pensa que é muito grande,
pode tornar-se tão pequeno,
que poderemos dar uma boa risada.

Assim como meteoros enormes.
que ao entrar na atmosfera da Terra,
se desintegram em mil pedaços,
como a onda gigante,
que no mar assusta
e chega na praia tão serena
que encanta,
o seu problema pode ser
muito menor,
se você não lhe der tanto valor.

Nada é maior do que o seu medo,
nem tão exasperante quanto
a sua ansiedade,
por isso,
se te falta juízo,
se não vê o caminho;
entre em oração,
silencie e acalme-se.

Encontre caminhos alternativos,
novas rotas,
faça-se novo em si mesmo,
não tema
"o que não aconteceu ainda",
o céu pode passar,
o sol pode até se apagar,
pois a noite chega,
a nuvem passa, a chuva cai,
mas você é eterno e não passa,
você deixa marcas em nós.

Você fica em quem te ama,
deixa aquela impressão de
que você é essencial,
e por isso que os anjos
em coro pedem:
"acalme-se, ore e confie",
o tempo da vitória começa agora,
na sua certeza, na sua mudança.
Você é capaz de mudar,
experimente!

Eu acredito em você

TEXTO: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 22 de Outubro de 2.010.

Nenhum comentário: