sábado, 5 de maio de 2012

Viajantes no Tempo



Conta a lenda,
que um jovem chegou à
beira de um oásis,
junto a um povoado e,
aproximando-se de um ancião,
perguntou-lhe:
-"Que tipo de pessoas vivem
neste lugar?"
O ancião,
por sua vez, perguntou:
-"Que tipo de pessoa vive no lugar
de onde você vem?"

Respondeu-lhe o rapaz:
-"Oh!
Um grupo de egoístas e malvados.
Estou satisfeito de haver
saído de lá."

A isso o ancião replicou:
-"A mesma coisa você haverá
de encontrar por aqui."

No mesmo dia,
um outro jovem se acercou
do oásis
para beber água
e vendo o ancião,
perguntou-lhe:
-"Que tipo de pessoas
vivem por aqui?"

O ancião respondeu com a
mesma pergunta:
-"Que tipo de pessoas vivem no lugar
de onde você vem?"
E o rapaz respondeu:
-"Um magnífico grupo de pessoas,
amigas, honestas,
hospitaleiras.
Fiquei muito triste por ter
de deixá-las".

O ancião respondeu com a
mesma pergunta:
Respondeu o ancião:
-"O mesmo encontrará por aqui".

Um homem que havia escutado
as duas conversas perguntou:
-"Como é possível
dar respostas tão diferentes à
mesma pergunta?"
E o ancião respondeu:
-"Cada um carrega no seu coração
o meio em que vive.

Aquele que nada
encontrou de bom nos lugares
por onde passou,
não poderá encontrar outra
coisa por aqui.

Aquele que encontrou amigos ali,
também os encontrará aqui."

Somos todos peregrinos!

Cada um encontra
na vida exatamente
o que traz dentro de si."

OBS:
Não encontramos autoria do texto acima,
mas gostaríamos de dar os créditos
merecidos a quem o escreveu.
Caso queira colaborar conosco,
envie um e-mail para:
mensagem@toninholima.com.br
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 08 de Maio de 2.012.

Nenhum comentário: