sábado, 16 de junho de 2012

Mudando Paradigmas

Enquanto pensamos
e formulamos nossas teorias.
O mundo vai seguindo a sua marcha,
sem cores definidas.

Todos os dias,
a oportunidade de mudança
chama pessoa por pessoa.

Cada habitante deste mundo
tão vasto e convida,
ora carinhosamente,
através das situações.
Ora impondo a sua vontade
através da dor.

E a cada um é dado
segundo a sua determinação
e a sua crença.

Há os que acreditam em pedras,
outros em astros.
Alguns em
"deuses poderosos",
capazes de mudarem toda
a humanidade.

E os séculos passam
e fica bem claro que só o
próprio homem pode mudar
a sua história.

O milagre que muitos esperam
cair de algum lugar,
existe dentro de cada
um de nós.

Somos o próprio milagre,
por exemplo,
quando decidimos abandonar
um vício.
Quando quebramos paradigmas.
Inventamos vacinas,
transplantes, cirurgias,
tratamentos diversos que
mudam a história.

Antes carros de boi,
depois foguetes.
Antes um telefone chiado,
agora o 4G disparado.

O mundo passa na sua porta e chama:
- Vem participar da mudança.
Vem ser milagre na vida de alguém.
Pelo menos na sua!

Esta noite, ao se deitar,
não pare para lamentar nada.
Pense na mudança que deseja
ver na sua história.
Trace novos rumos,
novos caminhos.

Quebre as "verdades"
que colocaram na sua cabeça,
e faça a sua própria história.

O sucesso é um
passo que damos além
das nossa mediocridade em
aceitar que não podemos
isso ou aquilo.

Nós podemos!

Nós somos sementes
e frutos.
Somos anjos e demônios.

Somos o milagre que se perpetua
no tempo que desafiamos.

Você pode mudar tudo,
ainda hoje,
nesse exato momento
em que decide
deixar de apostar no fracasso
e na incapacidade que toda
vítima tem,
e se torna um vencedor
passando por cima das
próprias fraquezas.

E pega todas as derrotas
do passado e as transforma
em pedras para erguer
o seu sucesso.

Não desista de nada,
até que tenha tentado tudo!

Eu acredito em você!

TEXTO: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 23 de Junho de 2.012.

Um comentário:

Rogério Antunes disse...

Parabens, Lindo!