domingo, 25 de novembro de 2012

A fé é simples!


Não necessita roupagens especiais,
nem cerca-lá de mistérios.

A fé não pede sacrifícios extenuantes,
dinheiro, doações,
pregações de castigos eternos...

A fé é silenciosa,
age na tranqüilidade,
sem gritar,
sem ficar exposta.

"porque Deus é quem efetua
em vós tanto o querer como o realizar,
segundo a sua boa vontade."
(Filipenses 2.13)

Antes de sair gritando como
"o louco da aldeia",
entre em oração silenciosa,
confie e se sentir que há dúvidas,
que a sua fé ainda é como vela
tremulando ao vento,
faça como o pai do menino
endemoniado diante de Jesus:

- "E imediatamente
o pai do menino exclamou
[com lágrimas]:
Eu creio!
Ajuda-me na minha falta de fé!
(Marcos 9.24).

Assim,
depositando a sua
confiança em quem pode ajudá-lo,
o fardo fica leve,
você tem inspiração para
criar alternativas,
mudar hábitos perniciosos,
fazer uma troca inteligente,
fazer a sua parte.

Não corra aos templos
como quem leva algo que
possa barganhar,
antes,
transforma a sua casa
em um templo onde
se pode ficar,
orar,
ter paz e prosperar.

A fé é assim,
uma casa arrumada,
simples,
cheia de boas energias,
um lugar onde se quer ficar.

"porque em verdade vos afirmo que,
se alguém disser a este monte:
Ergue-te e lança-te no mar,
e não duvidar no seu coração,
mas crer que se fará o que diz,
assim será com ele" Jesus
(Marcos 11.23).

Creia,
portas se abrem para a sua vida
ser transformada ainda hoje!

Eu acredito em você

TEXTO: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 28 de Novembro de 2.012.

Nenhum comentário: