terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Renuncie...


Para começar o verdadeiro
caminho da felicidade,
aprenda primeiro a renunciar.

Renuncie ao apego as
coisas do mundo.
Assim passamos a valorizar
cada conquista,
por menor que seja.

Renuncie ao orgulho infantil
que cerca o homem.
E assim,
não precisará perdoar ninguém,
pois não haverá mágoa.

Renuncie ao "amor platônico"
que tudo exige;
ofereça o amor que tudo dá.
E nunca mais sofra qualquer
desilusão amorosa.
Pois já não
haverá medo de perder,
de se perder.

Renuncie a "alimentação lixo",
concentre-se no que é natural,
e nunca mais terá doenças do
corpo ou da mente.

Renuncie aos apelos
do consumo desenfreado,
aprenda a poupar.
E nunca mais
terá problemas com dívidas
e contas que não fecham.

Renuncie ao trabalho que não
te traz contentamento.
Trabalhe onde realmente
goste e onde seja útil.
O melhor salário é o prazer de se fazer
o que se faz bem feito.

Renuncie as fofocas e intrigas.
Saiba mais da sua vida.
A dos outros,
só interessa quando podemos ajudar.

Renuncie a falsa
certeza de que já sabe tudo.
Viva para aprender.
Não sabemos nada do nada,
e queremos sempre o "tudo".

Renuncie a si mesmo,
para que o amor seja maior
que o seu ego.
Assim,
não carregará mais do que
precisa para ser feliz.
E descobrirá por fim,
que precisamos de muito pouco.

Simples assim :
quando sentir-se cansado do mundo,
 renuncie ao peso dele e sorria.

A vida é leve,
fardo suave que podemos
carregar.
Renuncie ao medo e siga
seu caminho.
O mundo não renuncia de quem
sabe onde quer chegar.

TEXTO: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 12 de Dezembro de 2.012.

Nenhum comentário: