quinta-feira, 20 de junho de 2013

Porque é amor

Há dias em 
que nem nos reparamos, 
de tão preocupados com 
os outros.

Há dias em 
que não nos encontramos, 
diante das dificuldades, 
por vezes fugimos, 
e para isso bebemos, 
fumamos, nos dopamos...

Há dias em que não 
nos entendemos, 
saímos de casa para 
falar sim, 
e no meio do nada 
dizemos não.

Há dias em estamos 
insuportáveis, 
nem nós mesmos nos 
aguentamos são dias de cobranças 
de todas às partes, 
até de nossos entes mais 
queridos.

Explodimos, gritamos, 
ficamos de mal...

Felizmente, 
há dias em que nos amamos, 
estamos de bem com as 
pessoas e com a vida, 
principalmente quando estamos 
apaixonados.

E assim, 
 dia de chuva tem seus 
encantos, 
o calor exagerado é perfeito, 
as pessoas chatas, 
são apenas pessoas chatas, 
os problemas são dificuldades 
que vamos resolver,
a doença é apenas um 
dia de cama, 
a esperança é o nosso motor, 
o mundo tem flores, 
perfume e uma razão de ser,
e nós, 
nós somos apenas a certeza 
de que amar é bom, 
de que a vida vale a pena 
em cada novo dia,
porque o amor 
nos torna melhores, 
quase perfeitos, 
serenos, delicados, 
com um brilho no olhar 
que não esconde, 
antes, revela, 
porque é amor, 
o que temos de melhor, 
a infinita capacidade de 
amar e recomeçar, 
sempre!

Eu acredito em você

TEXTO DE: Paulo Roberto Gaefke 
* * * * *
Texto lido no programa 
"Madrugada Viva Liberdade FM" 
no quadro 
"Momento de Reflexão" 
no dia 21 de Junho de 2.013.

Nenhum comentário: