terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Qual será sua escolha?

A vida, em si, 
não ensina!
É você quem decide, 
a cada momento, 
se há uma lição a ser 
aprendida…

Em cada alegria, 
em cada tristeza, 
em cada aborrecimento…

Ou desperdiça todos 
os momentos e vai vivendo 
aos trancos e barrancos.

Coisas boas e ruins 
acontecem a todos, 
indistintamente…

Se não existe o paraíso, 
podemos construir um 
oásis de paz, 
em nós mesmos, 
no meio das guerras que 
as pessoas vivem…

Tudo depende da escolha.

Podemos fugir à tristeza? 
Não.
Podemos impedir as perdas? 
Não.
Podemos obrigar que nos amem? 
Não.

Mas podemos usar 
os momentos de dor, 
frustração e ressentimento 
para aprender a 
amar melhor…

Podemos tornar nosso 
trabalho mais realizador…
Podemos transformar 
o ódio em perdão…
O ressentimento em 
compreensão…

Basta tomar essa decisão!

Escolhendo a melhor forma 
de resolver os conflitos 
e aprender com eles…

Desafie a você mesmo, 
criando um artifício para lidar, 
com o negativo.

Invente um jogo em 
que ganhe pontos, 
diante de situações que 
você resolva com harmonia, 
ou perca pontos se não resistir 
a se fazer de vítima…

Feche as portas 
ao automatismo burro…
Ele faz sofrer e nos 
torna refém.

Podemos ser, hoje, 
melhores do que ontem.
Cabe a você, somente a você, 
escolher se os 
acontecimentos de ontem, 
hoje e amanhã, 
serão usados para torná-lo 
uma pessoa melhor…

Qual será sua escolha hoje?

TEXTO DE: Procura-se autor
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 29 Janeiro de 2.014.

Nenhum comentário: