quarta-feira, 8 de julho de 2015

ONDAS DE PRUDÊNCIA

"Entendei, ó simples,
a prudência; e vós,
néscios, entendei a sabedoria."
* Pv. 8, v. 5. *

A prudência policia os pensamentos,
ideias e atos,
garante o equilíbrio e sustenta
a paz no coração.

A simplicidade não
pode existir sem a prudência,
tanto quanto o trabalho elevado,
sem o saber.

O homem sábio não é só
aquele admirado pelos outros.
É o que sabe viver em
paz consigo mesmo,
inspirado na paz dos semelhantes.

A prudência conserva
a amizade, alimenta a confiança,
abençoa a fraternidade e
é o agente conservador de todas
as virtudes.

Em ondas de justiça emitamos
a prudência em todas as
direções para que, algum dia,
ela possa se solidificar
em nós e por nós.

Prudência não
é somente tolerância,
é algo mais além.
Não deixa fazer o que
não se pode, analisa,
vigia, ora e mede.
É justiça e é amor.

Não se adquire virtude
de um dia para o outro,
mas pode-se iniciar
a sua aquisição,
a qualquer hora.

O bom trabalhador,
em qualquer oficina é
digno de seu salário.

O homem que educar
a si mesmo,
converterá o seu mundo íntimo,
de trevas,
 em celeiro de luz.
E, nesse labor divino,
ele próprio se tornará
um sol,
livre de todas as sombras,
filhas da ignorância.

TEXTO DE: Gotas de Luz,
de João Nunes Maia,
pelo Espírito Carlos
* * * * *
Texto lido no programa
"Madrugada Viva Liberdade FM"
no quadro
"Momento de Reflexão"
no dia 13 de Julho de 2.015.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links
de propagandas
deste blog você ajuda a
Campanha Natal Solidário
que promovemos há 20 anos.

Nenhum comentário: