sexta-feira, 24 de março de 2017

Que você não permita

Que você não permita que o amor que mora dentro de você pereça em função das cruezas da vida, porque só o amor tem o poder de nos reinventar e nos transformar na melhor versão de nós mesmos. 

Em algum lugar, talvez bem a seu lado agora, alguém está precisando imensamente de amor. 

Esse amor que não condiciona e que também não cobra explicações ou porquês. Um amor que é simples, como simples devem ser todos os amores, porque não se esgota nas circunstâncias nem pinta de cinza o ...que um dia já foi aquarela. 

Um amor que te faz recriar a maneira como você se relaciona com você mesmo e com outro, porque é fonte de empatia. E empatia talvez seja o que de mais urgente este mundo precisa agora.

Que você não permita, então, que a sua empatia pelo outro seja levada pelo mar de julgamentos que, todos os dias, somos tentados a mergulhar. 

Que nunca te falte esse olhar amoroso e empático pelo caminho do outro, pelas fraquezas do outro, pelas dores e medos do outro, porque um dia você pode estar exatamente nesse mesmo lugar. 

E porque você também é falho, seus caminhos às vezes são tortos, suas dores são dores doídas e o seu medo também dá as caras de vez em quando. Não te cabe julgar, principalmente quando os pés que caminham não são os seus.

TEXTO DE: Ana Paula Ramos
* * * * * * * * * * * * * * *
Texto lido no programa "Madrugada Viva Liberdade FM" no quadro "Momento de Reflexão" no dia 27 de Março de 2.017.
* * * * * * * * * * * * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links de propagandas deste blog você ajuda a Campanha Natal Solidário que promovemos há 23 anos.

Nenhum comentário: