quarta-feira, 7 de junho de 2017

Uma hora, tudo se encaixa, a vida se ajeita e tudo passa a fazer sentido

Tudo o que você está sentindo, nesse exato momento, tudo o que a vida está impondo que você viva, é exatamente o que você precisa para crescer, evoluir e ser uma pessoa melhor.

Acredite. Às vezes você precisa forçar-se a lembrar que uma hora ou outra tudo se encaixa, a vida se ajeita e começa a fazer mais sentido.

Talvez, não hoje, talvez amanhã também não, mas um dia, ah, um dia as peças terão que se encaixar.

Repita para si mesmo, todos os dias, o tempo todo, até que você acredite de todo o coração, que vai ficar tudo bem.

Lembre-se de que as coisas e as pessoas mudam, e mudam sempre por alguma razão; e que nada nessa vida é em vão.

Você só precisa aceitar as mudanças, deixar as coisas acontecerem e superar o que precisa ficar para trás.

Quase nunca o processo de superar ou deixar alguém ou algo para trás é fácil.

Podemos sofrer, podemos até chorar e, às vezes dói, dói tanto, que a gente pensa que  não vai conseguir. Mas,eu te prometo, que nenhuma dor consegue ser maior e mais forte do que você.

Então, aguente firme, afinal, quem sabe, amanhã pode ser o melhor dia da sua vida!

Viva no hoje, mas não deixe as dificuldades e desafios do momento assustarem-no a ponto de não conseguir mais continuar.

Estamos constantemente andando sobre   uma ponte que balança, às vezes perdemos nosso equilíbrio e estabilidade, mas depende só do nosso foco, da nossa dedicação para atravessá-la e chegar ao outro lado com segurança.

Tudo que você está sentindo, nesse exato momento, tudo o que a vida está impondo que você viva, é exatamente o que você precisa para crescer, evoluir e ser uma pessoa melhor. Acredite.

TEXTO DE: Wandy Luz
* * * * * * * * * * * * * * *
Texto lido no programa "Madrugada Viva Liberdade FM" no quadro "Momento de Reflexão" no dia 08 de Junho de 2.017.
* * * * * * * * * * * * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links de propagandas deste blog você ajuda a Campanha Natal Solidário que promovemos há 23 anos.

Nenhum comentário: